Kumo desu ga, nani ka? – A Divertida obra de Reencarnação como Aranha em Fantasia

 

Esse mangá – adaptado de uma novel de mesmo nome – tem uma das propostas mais estranhas que eu já vi. Ele reencarna uma garota NET e Gamer como uma aranha em um mundo de fantasia. No caso ela começa como um ovo de aranha nas profundezas de uma Dungeon.

Parece estranho, e pensando na proposta até difícil de acreditar que dá pra fazer algo bom com isso. Mas não é que me enganei.

A mistura da situação precária da protagonista, como um dos seres mais fracos da Dungeon inicialmente, com elementos de RPG – como evoluções de novel, skills e troca de classes – mantem você interessado no que vai acontecer a seguir. E como a personagem é muito fraca, mesmo o autor dando evoluções contantes a cada capítulo, consegue manter a história interessante, sempre a tirando de sua zona de conforto e a colocando em frequentes situações de quase morte.

A protagonista consegue passar simpatia com facilidade, ainda mais no mangá, com uma arte que varia de ameaçadora a simpática em momentos cômicos. E como tem ação o tempo inteiro, o mangá se mostrou superior pra mim, dado o bom entendimento do mangaka de storyboards de combates simples mas eficazes no entendimento. A novel original acaba bem mais pobre nisso, e muito é deixado para sua imaginação.

Existe também uma evolução gradual por parte da heroína. Ela tem todas as memórias da vida passada, assim como seus defeitos. Em uma situação de vida ou morte diária ela acaba obrigada a amadurecer e superar problemas de sua vida anterior.

Quem quiser algo diferente do padrão, divertido e bastante movimentado vale a pena dar uma olhada nessa obra. Ela consegue te manter interessado com facilidade, dando problemas sem pausa para a protagonista, e mantendo seu interesse no que ela vai se tornar a cada nova evolução e mudança de classe.

A obra está vendendo muito para uma novel também, então as chances de um anime no futuro são boas.

Nota do autor