Sangatsu no Lion #12 – Impressões Semanais

Na sua volta após a pausa de início de ano, Sangatsu apresentou uma roupagem nova logo na abertura, mais alegre e brilhosa que o costume. Seria uma introdução para um renovado tom ao anime? O início, entretanto, parece jogar esta teoria por água abaixo.

Ainda a “sofrer” as consequências da noite passada na casa das meninas, onde teve um verdadeiro choque na diferença do ambiente – calorosa, colorida e vibrante. Agora, de volta a seu antro, a feiura ganha forma e peso, o contraste nas sombras e no vazio, o incômodo silêncio que destaca o opressivo passar das horas.

Desta vez, o tenebroso interior do garoto reforça-se pela pressão de vencer a partida de Shogi e assim evitar uma queda de categoria, algo que teria dimensões catastróficas ao protagonista, seguindo a linha de sua própria construção. O caminho todo para o recinto do campeonato denota um clima obscuro e de compenetração. Porém, aí novamente temos a expectativa quebrada, pois a narrativa do jogo é o avesso do mostrado até então. Esquece-se a significação e relevância da partida. Com um rival peculiar e charmoso, impregna-se uma caracterização basicamente cômica, algo dissonante do que se espera e do que fora denotado até ali.

E então, mais bizarra é a rápida aparição do sujeito que possui atritos com Rei. Algo no passado que expõe uma chama de raiva que parece tão improvável em nossa figura principal quanto seria Goku montar uma estratégia complexa em Dragon Ball. Mas importante, porém, é que sua ira sugere sentimentos de proteção e carinho consideráveis por Kyouko, a quem convive em venenosa e conivente relação. E não negamos que a personalidade da garota é fascinante o suficiente para sentir sua falta – ao menos neste que vos escreve.

E independente do resultado, a estrada de Rei parece condicionada a levá-lo a um local apenas: a casa das irmãs, sua esfera de conforto e alívio – para nós também, afinal. Uma fuga temporária para a batalha que ainda há de vir.

Nota do autor

 

E qual sua nota, leitor(a)?

Nota dos Visitantes
[Total: 103 Média: 4.5]

 

#Extras

Carlos Dalla Corte

Curto 6 coisas: animes, cinema, escrever, k-pop, ler e reclamar. Juntei todas e criei um blog.