5 Animes para “Pessoas Inteligentes” | IntoxiList #06

Hora de colocar o cérebro para funcionar!

Esse é um IntoxiList, uma coluna de posts do IntoxiAnime relativo a curiosidades das mais diversas. Diferente de Tops de melhores animes, essa coluna não tem teor crítico, eu apenas comento brevemente o tema dos animes (com algum sarcasmo, não se ofendam) e o porque deles entrarem na lista.

Nesse IntoxiList eu vou listar 5 animes em que você precisa prestar atenção, ou mais precisamente “manter o cérebro ligado”, para entender o que está acontecendo. O “pessoas inteligentes” do título é puro sarcasmo meu, já que não acredito que existam filmes ou animes que necessitem de um QI alto para entender. O que eles exigem é sim mais atenção que o normal, e, as vezes, alguns conhecimentos prévios, já que possuem um ou outro fator que os torna mais complexos que o normal. Apesar de que, muita gente realmente afirma não ter entendido ou ficado meio perdida com alguns dos animes citados. Então, em resumo, essa é uma lista aonde o roteiro não “mastiga” as explicações para você. Apesar de que na maioria das coisas ficarem mais claras perto do final.

Nessa lista foquei em animes mais novos (ou mais precisamente, com menos de 10 anos), já que com os antigos a maioria costuma ter certo preconceito.

5 Animes para “pessoas inteligentes”

Versão em vídeo:

5. Durarara

Durarara conta a história de várias pessoas em uma cidade dominada por gangues e eventos sobrenaturais. Mas a principal atração é a Dulahan, o cavaleiro sem cabeça mais sexy que você vai encontrar em animes.

Durarara não parece um anime complicado, e em essência, não é, MAS, o diretor resolveu que os episódios seriam muito chatos se feitos normalmente, e talvez fosse uma boa ideia embaralhar a ordem dos eventos. Não é em todo episódio, mas em alguns deles você começa no final, vai pro começo, volta pro final, pega um pedaço do meio da história e volta para o final. O que, bem, deixa muita gente perdida no que diabos está acontecendo no episódio. Mas não se preocupe, ele só esta fora de ordem, se concentre, ligue seu cérebro (para variar) e coloque ele em ordem na sua cabela, que tudo fará sentido. Quer dizer, quase tudo…..até hoje me pergunto como o personagem loiro tem super-força e resistência. Alguém engoliu a história de se quebrar toda hora e ganhar resistência com isso? Segue o review.

4. Baccano

Baccano conta a história de várias pessoas diferentes em 1920, e como a história delas acaba se conectando com o tempo. Tem também um casal maluco fazendo coisas que desafiam a física, além de elementos sobrenaturais. Ele é do mesmo diretor e autor de Durarara, então não vai ter semelhanças a toa. Na verdade veio até antes, Durarara é sua versão light, aonde o milk shake de roteiro é usado de forma mais controlada.

O complicado em Baccano é o mesmo que em Durarara, um bando de personagens, alguns no passado, alguns no futuro, tendo suas histórias contadas e interligadas. A ida e volta das histórias de cada um deles já deixa muita gente confusa, com o que é passado e o que é presente, e para piorar, como se não bastasse ter a ordem da narrativa toda embaralhada, tem personagens apresentando flashbacks ainda.

Sabe qual o problema de um flashback em uma história fora de ordem? FICA DIFÍCIL SABER SE É UM FLASHBACK OU NÃO!! Ou mais precisamente quando e se os personagens estão no passado, presente, ou futuro. Só quando o anime estiver perto do fim que as coisas vão começar a se encaixar. O anime é legal, e eu recomendo, MAS preste atenção no que está vendo e tenha em mente que a ordem da história não é cronológica, caso contrário vai terminar alguns episódios completamente perdido, vendo o mesmo personagem em várias linhas narrativas diferentes, sem saber se aquilo foi antes ou depois do que está acontecendo “agora”. Segue o review.

3. Concrete Revolutio

Esse anime se foca em um mundo cheio de super heróis (esquisitos), desde mutantes a seres vindos de outra dimensão. A história segue os membros de uma organização de humanos que monitora esses seres.
Concrete deixou muita gente confusa com seu primeiro episódio por que, novamente, o diretor quis fazer uma bagunça cronológica (de novo? calma, eu juro que os próximos animes vão ter coisas diferentes para confundir vocês).

Bem, em Concrete o episódio 1 tenta empacotar tanta coisa junta, em uma ordem tão confusa, que não a toa algumas pessoas ficaram se perguntando “o que diabos está acontecendo?”. Ele mostra 2 linhas temporais e ainda tem flashback nelas. Se você reparar que quando o protagonista está com uma roupa diferente ele está no futuro, aonde aparentemente ele saiu da organização que pertencia, já vai facilitar um bocado sua vida. E a parte mais confusa do episódio é na verdade um flashback dessa linha temporal do futuro. E as coisas visuais estranhas? Bem, isso não precisa pensar para entender, esse anime tem nonsense visual, só isso. E quem escutou tudo isso e mesmo assim não entendeu o episódio, dê uma olhada na análise do episódio 1 que fiz no blog.

2. Oregairu 2

A primeira temporada de Oregairo não tem nada demais, é só uma história sobre adolescentes revoltados com a vida, ou então dos tempos do colégio do Batman (entendedores entenderão)…..de qualquer forma, chega a segunda temporada e todos os personagens decidem adotar uma linguagem subjetiva, ou, em outras palavras, nem eles sabem mais o que querem dizer!

São um bando de episódios com diálogos não objetivos que você vai ter que ficar interpretando e colhendo pistas em todo o canto que puder para talvez, só talvez, entender o que diabos eles estão querendo (ou não querendo) dizer uns para os outros.

De todos os animes que já analisei no blog esse bateu o record de “Marco não to entendo porra nenhuma do que essa gente esta falando”. Então relembre suas aulas de interpretação de texto e vá dar uma olhada nessa maravilha do diálogo subjetivo para também ficar revoltado com aquele final que não é final, como todos nos que já assistimos. E então ficar aguardando anos pelo final da história, que pode ou não chegar algum dia. E a melhor parte, torcer para sua garota preferida do anime ganhar o prêmio de namorada do Batman juvenil.

Se assistir e ficar perdido dê uma olhada na análise por episódios do blog, aonde eu tentei destrinchar o que estava acontecendo naquela história, e do que diabos os personagens estavam falando. Reviews dos episódios.

1. Expelled From Paradise
Esse é para quem gosta de ficção científica (mas todo mundo só lembra por ter uma loira gostosa com roupa sexy……). Expelled from Paradise (que tem um outro nome difícil em Japonês que eu me recuso a usar) conta a história da humanidade em um futuro distante, aonde quase todas as pessoas transferiram sua mente para o mundo digital (tipo Matrix), em um servidor que fica no espaço. Apenas alguns humanos permaneceram na terra, um lugar deserto e cheio de “criaturas roxas” que comem humanos.
Na história alguém hackeia a estacão espacial aonde ficam os servidores que abrigam o mundo digital dessa nova humanidade, e uma agente em um corpo artificial (muito bonito) é mandada a terra para descobrir quem foi, com a ajuda de um humano que vive na terra, com ordens para auxilia-la.

Tem vários animes desse gênero, e vários deles apresentam alguma complexidade no modo que seu mundo funciona, mas Expelled vai além, já que fora um mundo digital complexo, ele nem sequer o explica direito, esperando que você entenda e aprenda tudo que precisa através de observação e pormenores nos diálogos dos personagens. O que sim, é possível, as dicas estão todas ali.

O problema é que mesmo que você interprete tudo e observe o mundo com atenção, você ainda vai ficar perdido em alguns aspectos da história, a não ser que tenha uma bagagem grande de conceitos de ficção científica, que serão necessários para que entenda a lógica empregada em diversas partes do mundo. Trabalhoso não? A opção 2 é ver pelas belas cenas de batalha, ou bem, pela protagonista, ou mais precisamente, pelas pernas, peitos, ou rosto dela. Seja qual for seu motivo é um ótimo filme. Segue o review.

Conhece mais animes de 2007 para cá que você acha que exigem mais atenção ou queima de neurônios que o normal? Comente.

Relacionado:

Você pode gostar...

  • Ícaro Cardoso

    Muito bacana, queria saber os top 10 animes do Marco

  • Tenshi_Sama

    Muito bom !

  • Blog Rescreventudo

    Como assim Amnesia e Death note não estão na lista? Coloca ai kk muito boa a lista, gostei

    • Ðarkness

      Death Note é muito bem construído, mas ele não tem “mistério”, ou melhor dizendo, ele é pouco subjetivo, você já domina os fatos rapidamente, os pensamentos do deuteragonista e protagonista em primeira pessoa são deveras esclarecedores por si só, não é necessário pensar para entender a história. Ela tem densidade, todavia não é complexa, só porque o anime é inteligente, não significa que ele exija uma atenção redobrada para ser compreendido.

  • Ðarkness

    Um anime que estraria fácil fácil nessa lista: Higurashi no Naku Koro ni. Não conheço absolutamente ninguém que terminou o anime entendendo a maior parte da história. É necessário uma análise bem minuciosa dos acontecimentos e dos diálogos para não sair de mãos vaziais no final.