Novos Hentais Sem Censura de 2014 a 2016

Esse é um guia com novos hentais sem censura lançados nos últimos anos (2014 a 2016), para quem interessar. Mas antes vamos entender porque tem tão poucos hentais sem censura hoje em dia.

Hentais sem censura tiveram seu ápice entre 2000 a 2006, depois disso começaram a desaparecer, com praticamente nada sendo lançado entre 2007 a 2012.

Os motivos do porque isso ocorreu são vários, umas sucessão de eventos que juntos colaboraram para quase extinção do gênero. Comentei disso em mais detalhes em outro post voltado ao assunto.

Mas a razão primaria é a conhecida “importação reversa”, quando os japoneses em vez de comprar hentai no pais deles – a preços absurdos – preferem importar de fora as versões sem censura que as empresas japoneses licenciam.

No japão pornografia sem censura é proibida – por mais irônico que isso pareça -, então as versões de hentais conhecidos sem censura só surgem quando empresas de fora do japão compram direito a vende-las e pedem ao estúdio a versão sem censura que eles tem guardada.

De 2000 a 2006 os EUA importaram muitos hentais, mas graças a isso as vendas do mercado japoneses começaram a cair, com os japoneses comprando as versões de fora do pais, sem censura e a preços mais baixos.

Devido a isso a maioria das empresas de hentai parou de licenciar suas obras depois de 2006. Algumas ainda o fazem, e por isso hentais sem censura voltaram a aparecer, mesmo que poucos. São geralmente obras muito antigas que as empresas não tem mais a pretensão de lançar BOX compilados no japão (com 5 anos desde que foram lançadas no JP ou mais). Ou então hentais pouco populares que não vendem bem por lá, e devido a isso licenciar vale a pena.

Duas empresas ainda licenciam hentais, uma na Alemanha e uma nos EUA que voltou dos mortos ano passado. Algumas obras vazaram também, o que pode ocorrer de diversas formas diferentes. Em outro post comento mais sobre como funcionam vazamentos de hentai sem censura.

Dito isso, segue a lista de Hentais sem censura lançados por elas, de 2014 a 2016 (como sai só uns 5 a 8 por ano deixei mais completo que o guia anterior, com sinopse, gênero e links de onde achar):

Como sempre, não posso mostrar imagens ou links para maiores por causa das propagandas do Google (adsense), portanto o conteúdo daqui pra baixo é só para Vips, devido a não verem propaganda (Torne-se um Vip clicando aqui).  

2014

2015

2016

 

Curiosidades que notei ao montar a lista:

  1. A maioria do ocidente parece não ter fetiches muito hardcore. Tirando 5 obras a maioria das obras licenciadas é Vanilla.
  2. Parece existir um padrão sobre o licenciamento de obras com pelo menos 2 episódios.
  3. Harem/Romance é o gênero mais predominante.
  4. Em 2016 finalmente começaram a licenciar obras produzidas em 2014. É algo que não esperava, já que o padrão até 2015 era só licenciar obras 5 anos desde seu lançamento no JP ou mais.

Relacionado:

1. Guia de Estúdios e Produtoras de Hentai – Nivel de qualidade, como funcionam, curiosidades e principais obras
2. Por que pararam de lançar Hentais sem censura?