10 Haréns de Garotas Monstro em Animes | IntoxiList 10

Finalmente achei uma lista viável de fazer em vídeo baseada naquela monstruosidade de post com 70 animes de garotas monstro.

Esse é um IntoxiList, uma coluna de curiosidades do Intoxianime. Diferente de Tops de melhores animes, essa coluna não tem teor crítico ou mesmo são indicações, eu apenas comento os temas do anime com algum humor (sarcástico e irônico, não se ofendam) e o porque deles entrarem na lista.

Nesse IntoxiList eu vou listar 10 Haréns de garotas monstro em animes. No qual só vale haréns diversificados, um bando de garotas aliens iguais como em To Love Ru não conta. Esse IntoxiList foi criada a partir de uma lista minha com 70 animes de garotas monstro (aqui).

Dito isso, vamos a lista:

10 Haréns de Garotas Monstro em Animes

Versão em vídeo:

Versão escrita (são muito similares, a versão escrita é o script que crio para o vídeo, que fica mais engraçado, obviamente):

10. Shuffle!
Adaptação de Visual Novel
Gênero: Romance, Escolar, Comédia, Twists, Drama, Drama, Drama.
Episódios: 24

Em Shuffle, o protagonista, coincidentemente, conheceu a princesa dos demônios e dos deuses na infância, durante uns 30 minutos – que aparentemente foram o bastante para se apaixonarem por ele e voltarem anos depois prontas para casar…..mas claro, o protagonista não lembra de nada, como manda o clichê. Agora ele será obrigado a escolher uma delas como sua esposa, ou então sua amiga de infância, a garota que quase ninguém se importa, até que…..hum, melhor deixar vocês descobrirem. Tem também uma quarta opção, mas detalhar elas por si só seria considerado spoiler.

Acompanhe esse drama/romance que começa devagar quase parando e resolve dar um 180% depois da metade, aonde sai mandando twists pra todo lado. Ainda assim, graças ao preguiçoso do designer de personagens do jogo, que fez ambos demônios e deuses parecendo com elfos com tamanhos de orelha diferentes, esse é o anime menos monstruoso da lista.

9. Dragon Crisis
Adaptação de Light Novel
Gênero: Ação, Fantasia, Ecchi, Comédia.
Episódios: 12

Opening. Um protagonista de aparência sem graça encontra um ovo com uma garota dragão de 14 anos dentro ( que parece que tem 8 ) a qual ele conheceu na infância, mas não lembra, só para variar. A história continua com a aparição de dragões do mal, uma garota lobisomem meio macho, que só a voz doce do protagonista consegue amansar e uma garota dragão de cabelo azul – que tem de longe a melhor aparência -, e não esqueçamos também a amiga de infância, que, bem, ninguém liga (ela não foi isolada lá atrás no cover do anime de graça, nem o designer se importa).

Acompanhe esse harém sem sentido de garotas coisa, no qual o protagonista já se declarou para uma delas, mas parece ter esquecido por conveniência de roteiro, tendo então um motivo parar corar cada vez que uma das garotas chega muito perto dele.

8. High School DxD
Adaptação de Light Novel
Gênero: Ação, Romance, Comédia, Ecchi, Fantasia, Comédia.
Episódios: 12 (+ 2 temporadas)

Nesse conhecido ecchi de ação o protagonista morre (por amor….) só para poder ser ressuscitado em uma situação 10x melhor comparado a que estava: que inclui uma mulher gostosa agarrada nele cada vez que acorda, e entrar em um clã de demônios que agrega coincidentemente todas as mulheres mais bonitas da escola (alguém poderia listar as desvantagens de morrer nessa obra?).

Acompanhe Issei, um ser bizarro que desperta super poderes apertando peitos, e suas garotas demônio, que de demônio só tem uma asinha minuscula nas costas, e não contaria muito como garotas monstro, se não fosse uma mulher anjo caído – o que é novidade, geralmente são só anjos -, uma garota meio gato baixinha para cumprir a cota de lolis, e um vampiro gay, o que é inovador, porque quantos haréns de monstro tem um vampiro gay no elenco? Só não espere um desenvolvimento rápido, nosso protagonista gosta da coisa, mas se aperta na hora do vamos ver.

7. Omamori Himari
Adaptação de Mangá


Gênero: Ação, Escolar, Sobrenatural, Comédia, Romance.
Episódios: 12
Review e nota do anime: Aqui

Em Omamori Himari acompanhamos a reencarnação do protagonista de To Love Ru em um mundo paralelo, aonde ele vai continuar fugindo das mulheres que querem algo com ele. Nesse caso ele ganha uma mulher gato gostosa como guarda costas, para protege-lo dos demônios que querem mata-lo. E como se ele ser naturalmente alérgico a mulheres que querem algo com ele não fosse o bastante, a autora ainda usa de uma estratégia sacana de dar e ele alergia a gato, para o mesmo não poder encostar na protagonista feminina.

Acompanhe o protagonista e seu harém, composto por uma mulher gato no cio, uma garota slime loli – porque sempre tem que ter uma loli em tudo -, uma feiticeira gostosa, uma amiga de infância sem graça, e uma garota xícara,sim, você leu certo, uma garota xícara, que tem os poderes de….ser uma xícara, que materializa o corpo de uma loira gostosa (eu acho que a autora levou o fetiche de poder beber leite do corpo de uma mulher muito a sério).

6. Cube x Cursed x Curious
Adaptação de Light Novel
Gênero: Ação, Escolar, Sobrenatural, Comédia, Romance, Ecchi.
Episódios: 12
Opening. Nesse estanho anime (não que tenha algum muito normal nessa lista), o protagonista descobre em seu porão uma loli (sim, mais uma!) que na verdade é um cubo mágico, que vira um bando de instrumentos de tortura da idade média (é sério!). Uma garota espada, que não vai impressionar ninguém porque vemos garotas espadas em anime todo dia. E finalmente uma garota com uma roupa intima mágica que ela não pode tirar (ok, isso é inovador!). Acompanhe todos eles lutando contra vilões ruins cuja motivação não faz sentido se você pensar bem a respeito.
5. Jitsu wa Watashi wa
Adaptação de Mangá
Gênero: Escolar, Comédia, Romance, Sobrenatural.
Episódios: 12
Nessa comédia cheia de caras e bocas elevadas a 10ª potência, um garoto descobre que a garota por quem é apaixonado é na verdade uma vampira, e agora precisa ajuda-la a guardar seu segredo. O que será difícil, porque ele é um linguarudo e a garota é meio tapada. Mas obviamente não para por ai. Temos também uma alien minúscula – que eu nem imagino como pretende ter interações com o cara por quem se apaixonou -, um lobisomem transexual e um óculos falante (isso conta como monstro?), todas disputando o protagonista mais sem sal da história da animação. Você já sabe quem vai ganhar desde o início, mas continuará assistindo fingindo que vai ser surpreendido.
4. Rosario + Vampire
Adaptação de Mangá
Gênero: Escolar, Sobrenatural, Comédia, Romance, Ecchi.
Episódios: 12 (+ 1 temporada)

Em Rosario to Vampire acompanhamos um protagonista que sem querer acaba entrando em uma escola só para monstros, aonde logo de cara já se apaixona por uma vampira com anemia – que tem dupla personalidade, e vira uma mulher badass linda de cabelo branco (forma da qual nunca deveria sair se fosse por mim).

Estaria bom se parasse ai, mas ele ainda consegue uma Succubus, uma garota do gelo e uma maga masoquista. Por coincidência, todas as garotas mais bonitas da escola. O que até faria sentido se elas vissem que o bunda mole iria ficar com essa aparência no futuro (quando o autor aprendeu a desenhar), mas não, caíram na dele quando ele tinha a aparência de um coadjuvante que o autor teve preguiça de desenhar direito.

3. Shinmai Maou No Testament
Adaptação de Light Novel
Gênero: Ação, Fantasia, Ecchi, Ecchi++ ,Romance , Preliminares.
Episódios: 12 (+ 1 temporada)

No primeiro anime ecchi aonde o protagonista fez o que todos se perguntam porque todos os protagonista de harém não fazem, acompanhamos Basara, e seu diversificado harém de garotas taradas. Que incluiu uma demônio, que de monstro só tem lentes de contato fosforescentes, uma succubus, o alívio cômico que sai distribuindo um pacto porno para toda garota que vê pela frente e uma garota com cifres de demônio, orelhas elficas e rabo de coelho, que eu desafio vocês conseguir achar o nome no livro dos monstros de Dungeon & Dragons. E por último a professora, que eu não posso falar o que é, já que seria spoiler.
Não perca o primeiro protagonista a dar sentido a palavra harém, e ter o desenvolvimento de personagem de um vibrador em treinamento, cada vez mais ágil em encontrar o ponto G de suas amadas. Ah sim, ele também luta contra várias facções que ameaçam seu harém nas horas vagas.
 
2. Monogatari
Adaptação de Light Novel
Gênero: Suspense, Comédia, Mistério, Ecchi.
Episódios: 16 (+ um bando de temporadas…..)

Aquele anime que não é um hentai, mas fez uma Opening com sua protagonista sendo violentada em um grupal (aqui), que os fãs mais devotos vão dizer na cara dura que é só um simbolismo inofensivo (mas nos sabemos a verdade!!!).

Acompanhe essa história de um garoto que ganhou os poderes do Wolverine – só para poder ser espancado por todo o elenco sem morrer no processo -, ajudando várias garotas meio-monstro. Incluindo uma garota caranguejo que guarda material escolar dentro do corpo (não perguntem!), uma garota meio macaco para agradar quem tem fetiche por mulheres de sovaco peludo, uma garota medusa, uma que eu não posso dizer o que é porque seria spoiler, uma fênix (isso conta como “monstro”?) e uma garota meio-gato, que é obviamente a melhor garota do anime, ou talvez não seja e só gostemos dela porque é linda e gosta de andar por ai de lingerie sexy (reflitam sobre isso). Não esqueçamos da vampira loli também, que podia muito bem ter um corpo de adolescente, mas ai quem tem fetiche por loli não veria o anime.

1. Monster Musume no Nichijou
 Adaptação de mangá
Gênero: Romance,Comédia, Ecchi, Zoofilia?
Episódios: 12

O anime mais monstruoso da lista, em Monster Musume vemos o dia a dia de um cara que nunca descobrimos o que faz da vida (é sério, reparem que está sempre em casa ou fazendo compras).

O protagonista mais vagabundo e resistente de todos os haréns fica de boa em casa aproveitando sua garota cobra tarada, que não aprendeu que “aquilo” não funciona se a gente não conseguir respirar. Uma sereia, uma garota pássaro, que está no elenco porque parece existir um sistema de cotas para lolis em animes. Uma garota feita de água com fetiche por gerar fanservices sobre a ordem de um autor safado (aquele que desenha o mangá). Uma garota aranha sádica, que finalmente fez o nome garota monstro fazer sentido; uma cavaleira sem cabeça, sim, isso é uma raça nesse anime bizarro. E por último, uma meiga garota centauro, a qual o protagonista vai precisar de 3x a potência de um ator pornô africano para agradar (eu sei que vocês pensaram nisso também…..).

Acompanhe o protagonista tentando sobreviver enquanto todo o elenco tenta entrar nas suas calças, sem notar que vão provavelmente mata-lo antes (ou depois) de conseguirem o que querem. A pobre criança monstro vai nascer sem pai.

E vocês? Conhecem mais animes de harém de garotas monstro? Comentem.

Relacionado:

Você pode gostar...

  • Wellinton Carlos

    Adoro esse tipo de anime valeu cara!!!!!
    Faça outro top assim q possível vlw?

  • Mr.Cod

    Essas descrições kkkk