Top 10 Animes ecchi mais eróticos e hardcore de todos os tempos | IntoxiList #05

 

Em um mundo aonde os animes ecchis ficam cada vez mais apelativos (hardcore), nada mais natural do que pensar, “será que existe um ecchi mais erótico que esse?”. Desse pensamento saiu um post com os ecchis mais picantes de todos os tempos.

Esse é um IntoxiList, uma coluna de posts do IntoxiAnime relativas a curiosidades das mais diversas. Diferente de Tops de melhores animes, essa coluna não tem teor crítico, eu apenas comento brevemente o tema dos animes e porque eles entraram na lista.

Nesse IntoxiList eu vou listar os 10 animes ecchis mais apelões (ou “borderline hentai” como os americanos chamam) já feitos até 2015. Tentei ordenar por nível de ecchi, do mais baixo ao mais apelão, mas é difícil criar critérios para ordenar listas desse tipo. Então se alguém achar que algo devia ser acima ou abaixo, é normal. Os 5 primeiros, de 10 a 6, são os que considero semi-hardcore, e os 5 últimos, de 1 a 5, são os que considero hardcore de verdade. Dito isso, vamos a lista:

Regra:

1. Não vale OVA nessa lista, só animes para TV, e a versão em BD deles.

Versão Atualizada do vídeo (2016):

 

Versão antiga do vídeo (2015):

Top 10 Ecchis mais hardcore/pesados
10. High School DxD

DxD conta a história de um cara que é reencarnado como um demônio depois de morrer, pela garota mais bonita do colégio, que ele descobre ser um demônio. Ele então começa a trabalhar para o clã dela. Com o tempo ele se envolve em várias batalhas contra facções de anjos caídos e outros demônios, ao mesmo tempo que seu harém vai aumentando.

Esse até que é leve (para os tempos atuais), apesar de já ter sido considerado um anime bem sensual e erótico um dia. Além da prática comum de mulheres com roupa rasgando no meio da luta e peitos para todo lado, oriundas de animes antigos como Ikkitousen, do ano 2000, ele ainda tem algumas cenas sensuais, com as mulheres nuas se esfregando e dormindo junto ao protagonista (não, não acontece aquilo enquanto eles estão dormindo). DxD muito provavelmente vai perder sua posição ano que vem por causa da entrada de um outro anime hardcore. Mas em 2015 ainda consegue ranquear nessa lista.

PS: Tinham outras opções para colocar aqui, como Monogatari, mas ele só tem ecchi mais apelativo em alguns arcos, então é meio complicado de classificar o “nível” de ecchi da obra.

9. Prison School

Uma comédia sobre um bando de caras sentenciados a um mês de prisão no colégio, sendo abusados fisicamente pelas garotas do concelho estudantil, enquanto tentam bolar os planos de fuga mais loucos. Fora peitos e ângulos que expõem um bocado de roupas intimas, Prison School ainda abusa de “cenas ecchi meio diferentes”. São tantas cenas super picantes que ele acabou pegando a 9ª posição no ranking. Review do anime.

8. Shimoneta

Shimoneta parece um ecchi leve, eu arrisco dizer, mas depois de 4 episódios a coisa muda de figura, quando uma das personagens endoida completamente. A história é sobre um mundo distópico aonde a pornografia foi proibida, e o protagonista acaba entrando em um grupo revolucionário que quer a ela de volta. A parte mais pesada desse anime se dá principalmente por uma personagem, que fica “vazando” de excitação pelo protagonista todo episódio. As cenas loucas e eróticas que essa personagem proporciona renderam a esse anime a 8ª posição. Review do anime.

7. Monster Musume

Esse é bem estranho. Um anime sobre o dia a dia de um cara que tem um harém de garotas meio monstro. O anime tem muitas partes bonitinhas, mas quando foca no ecchi pode ser bem pesado, com diversas cenas do elenco em êxtase por diferentes razões, mas primariamente sendo atacadas por uma slime. As cenas ecchi desse anime renderam a ele a 7ª posição. Review do anime.
6. Kiss x Sis
Fechando os primeiros 5 que tem cenas um pouco mais pesadas, mas que não considero tão acima do normal assim, vem Kiss x Sis. A história acompanha um garoto assediado por suas meio irmãs, que com o consentimento dos próprios pais, acreditem se quiser, querem dar um jeito de entrar nas calças dele de qualquer jeito. A história varia de fanservice leve a preliminares e beijos muitos doidos, rendendo a esse anime a 6ª posição.
5. To Love Ru Darkness
Entrando na lista dos verdadeiramente hardcores temos To Love Ru Darkness. A história acompanha um garoto com um bando de aliens do sexo feminino em sua casa, as quais ele vai conquistando, através de “quedas acidentais que sempre acabam com suas mãos, pés ou cabeça aonde não devia”. Diferente da primeira série, TO Love Ru, a série Darkness é muito mais picante, envolvendo preliminares e afins, o que deu a ela a 5ª posição.
4. Seikon no Qwaser

O anime que chocou todo mundo em 2010, a obra acompanha um grupo de garotas perseguidas por um culto, e um jovem que tenta defende-las usando seus poderes de manipulação do metal. Parece bem normal né? Pois bem, fica estranho quando mostram que o protagonista e todos os guerreiros do anime se alimentam de leite humano no meio das batalhas, para recarregar seu poderes ou mana. Sim, eles mamam no meio das batalhas, e cenas de preliminares e afins é o que não faltam na série, que ficou conhecida, carinhosamente, como, “o anime do bebedor de leite”. O anime já tem uma certa idade, mas ainda consegue ser um dos mais pesados do gênero.

3. Shinmai Maou no Testament
Shinmai conta a história da filha do Maou tentando viver uma vida pacifica na terra, enquanto diversas facções tentam disputa-la por causa de seus poderes. A história acompanha o protagonista e seu grupo de aliadas tentando protege-la. Esse é um anime estranho. Inicialmente o fanservice dele parece bem contido, e não tem nenhuma mulher ficando pelada nas lutas. Mas ai chegam os tais rituais de aumento de poder que a história emprega, que são basicamente uma suruba de preliminares entre os personagens. Essas cenas, que variam de 1 para 1 até uma mega suruba com 5 na segunda temporada, deram a esse anime um dos lugares mais altos da lista. Impressões semanais do anime.
2. Valkyrie Drive

Se você achou que as surubas de Shinmai Maou eram o limite se enganou! Valkyrie Drive se passa em uma ilha, cheia de mulheres que se transformam em armas e lutam entre si. Até ai parece meio estranho, mas nada demais. Só que a coisa escala quando você nota que essas mulheres, em geral com peitos gigantescos, masturbam suas companheiras em público para que elas tenham um orgasmo e então se tornarem em armas. Tem cenas assim o anime todo, rendendo a essa obra a segunda posição da lista. Primeiras impressões do anime.

1. Yosuga no Sora 

O primeiro da lista não tem tantas cenas de fanservice assim, mas as que tem vão deixar o seu cabelo em pé, se você não estiver esperando por elas. A história acompanha a vida de dois irmãos gêmeos que se mudam para um cidadezinha, após a morte dos pais em um acidente. O anime apresenta várias rotas, aonde o protagonista termina com uma heroína diferente em cada uma delas, incluindo a rota mais polêmica, a de incesto. Ainda assim, não seria tão pesado, se o anime não tivesse várias cenas de sexo e mostrasse todas elas animadas. Como as cenas são rápidas, e não mostram ângulos que exijam mosaicos, o anime passou na TV (com alguma censura) e não foi considera hentai, apenas um ecchi muito hardcore. Sendo o único ecchi a realmente chegar aos “finalmentes” com seus personagens, e ainda animar as cenas, ele ganhou o primeiro lugar da lista. Review do anime.

Extra:

Em breve um desses animes vai perder lugar para HxH, uma novel bem pesada, que vai ser adaptada em 2016 e vai tentar disputar o topo da lista. Falamos dele e suas ilustrações anormais em outro post.

Comentários do autor:

Notem que, apesar do ecchi estar ficando mais apelativo, tem coisas nessa lista com certa idade, como Kiss x Sis, Yosuga no Sora e Seikon no Qwaser. Então já existe animes com ecchi hardcore a tempos, a diferença é que não saiam muitos deles. Outra coisa interessante, é que apesar do sucesso de Yosuga no Sora na época (tirando as obras da Key é a adaptação de Visual Novel mais bem vendida até hoje), nenhum outro anime tentou imitar suas “façanhas” nos últimos 5 anos, diferente do que muitos previram que iria acontecer. Por outro lado, os outros 7 animes da lista são desse ano ou tiveram nova temporada esse ano, então sim, a quantidade deles está aumentando bastante!


Conhece outros animes com ecchi pesado que não comentei? Comente.

Relacionado:

Você pode gostar...